PURITA


Spleen [recriação]

Porque é que será tão difícil querer [só] ser amada, quando amar é tão fácil? Porque amar é trabalho!É nada, amar é dar, é entregar-se..e a mais não se é obrigado!Parva, olha, o teu mal é spleen!Quê? Spleen, uma forma snob de se dizer que se está entediado!Cheira-me a romantismo!Nem mais, Cesário, Cesário...Quer dizer, vemos melhor o que é amar alguém quando estamos entediados?És verdadeira no que escreves!Tento ser, gosto muito de Alberto Caeiro, já te tinha dito?

Creio no mundo como num malmequer,
Porque o vejo. Mas não penso nele
Porque pensar é não compreender ...

O Mundo não se fez para pensarmos nele
(Pensar é estar doente dos olhos)
Mas para olharmos para ele e estarmos de acordo...

Eu não tenho filosofia: tenho sentidos...
Se falo na Natureza não é porque saiba o que ela é,
Mas porque a amo, e amo-a por isso,
Porque quem ama nunca sabe o que ama
Nem sabe por que ama, nem o que é amar ...
Amar é a eterna inocência,
E a única inocência não pensar...

1 Responses to “Spleen [recriação]”

  1. # Anonymous pedro

    Eu, eu sou mental. Tão mental que às vezes até penso que sou o Caeiro, o Caeiro que deveras gostaria de ser...  

Enviar um comentário



XML

Powered by Blogger

make money online blogger templates



© 2006 PURITA | Blogger Templates by GeckoandFly.
No part of the content or the blog may be reproduced without prior written permission.